Em 2023 os mutantes mais famosos do mundo comemoram seis décadas de vida! Como parte de uma comemoração simbólica, a organização da CCXP23 confirma a participação de quatro quadrinistas brasileiros que assinam obras aclamadas da franquia da Marvel Comics. Rod Reis, RB Silva e Lucas Werneck estarão todos os dias pelo Artists’ Valley By Bis, já Roger Cruz comparecerá no sábado e domingo no espaço da Chiaroscuro Studios, uma das principais agências de ilustração do mundo.

Criados pela dupla Jack Kirby e Stan Lee, os X-Men estrearam nos quadrinhos na revista ‘The X-Men #1’, publicada em 1963. Conhecido por ter diversas formações ao longo dos anos, tanto nas hqs quanto no cinema, na TV e nos jogos, o grupo inicial mutante consistia no Professor X (líder e fundador), Ciclope, Fera, Homem de Gelo, Anjo e Jean Grey, que antes recebia o nome de Garota Marvel. Para além das aventuras empolgantes e personagens carismáticos, ao longo dos anos, os X-Men foram cada vez mais reconhecidos com uma alegoria rica e relevante para as lutas de minorias, abordando questões de discriminação, aceitação e a busca por igualdade, tornando-se uma narrativa poderosa que ressoa com pessoas de todas as origens e experiências.

“Trazer para a CCXP23 um grupo de artistas brasileiros com enorme prestígio internacional para nos ajudar a celebrar os 60 anos dos X-Men, que são uma das mais populares franquias do mundo com presença em múltiplas mídias, é nosso presente para os fãs”, afirma Ivan Costa, sócio-fundador do evento e curador da programação de Histórias em Quadrinhos da CCXP23.

ROGER CRUZ – rogercruzart

Nascido em São Paulo, Roger Cruz é um dos primeiros brasileiros a representarem o Brasil na indústria dos quadrinhos americanos, começando por a fazer sucesso em títulos dos X-Men nos anos 1990. Para a Marvel, também já desenhou revistas do Homem-Aranha, Doutor Estranho, Motoqueiro Fantasma e Hulk. No Brasil, publicou Os Fabulosos, A Irmandade Bege e duas HQs vencedoras do prêmio HQMix: Xampu e Quaisqualigundum. Atualmente, trabalha para DC Comics como desenhista em títulos como Robin, The Flash e Shazam.

ROD REIS – rodreis

Também representando o Brasil no mercado internacional de quadrinhos, Rod Reis começou como colorista da DC Comics em títulos como Liga da Justiça e Aquaman. 15 anos depois, trabalhou em dois projetos da Image Comics, C.O.W.L. e Hadrian’s Wall, o que despertou o interesse da Marvel, que o contratou como desenhista. Na Casa das Ideias, ilustrou o Soldado Invernal, Doutor Estranho e os Novos Mutantes.

RB SILVA – @rbsilva_comics

O brasileiro RB Silva está no mercado americano de quadrinhos há mais de 15 anos e é tido como um dos artistas mais versáteis e requisitados da atualidade. Já publicou obras pela DC Comics e Dark Horse, e há mais de oito anos é artista exclusivo da Marvel Comics, onde já desenhou X-Men: Powers of X e Spider-Man 2099.

LUCAS WERNECK – lukaswerneck

Nascido em São Paulo, Lucas Werneck estreou no mercado de quadrinhos americano como quadrinista e ilustrador em 2019. De lá para cá, trabalhou em outras grandes editoras, como Boom Studios, Marvel Comics e DC Comics. Em pouco tempo de carreira, já participou de vários dos principais títulos do mundo das HQs, como Capitão América, Quarteto Fantástico, Harley Quinn, X-Men, entre outros. Atualmente, trabalha como artista exclusivo para a Marvel e produz, junto com Kieron Gillen, o título Immortal X-Men.

A CCXP23 acontece entre os dias 30 de novembro e 3 de dezembro de 2023, no São Paulo Expo. Para obter mais informações sobre a CCXP23, como ingressos e conferir os artistas anunciados até o momento, basta acessar o siteLink.

Serviço CCXP: 

Datas: de 30 de novembro a 3 de dezembro de 2023.   

Local: São Paulo Expo   

Horário de funcionamento do evento:  

SPOILER NIGHT (29/11/2023): das 18h às 21h**  

Quinta-feira (30/11/2023): das 12h às 21h  

Sexta-feira (01/12/2023): das 12h às 21h  

Sábado (02/12/2023): das 11h às 21h  

Domingo (03/12/2023): das 11h às 20h  

Sobre a CCXP   

A CCXP é o maior festival de cultura pop do mundo. O evento, idealizado e produzido pela Omelete Company, já recebeu mais de 1.5 milhão de pessoas ao longo de todas as edições em São Paulo, uma edição da CCXP Tour em Recife e uma edição internacional da CCXP Cologne, na Alemanha. Com dois eventos digitais, sob o selo de CCXP Worlds, a marca alcançou uma audiência de mais de 7.5 milhões de usuários, distribuídos em 139 países. Com números e recordes próprios, a CCXP vai muito além das estatísticas: é um sentimento. Um lugar de pertencimento e liberdade, proporcionando experiências inesquecíveis para quem vai e impactando positivamente a sociedade. Tudo isso pode ser resumido pela palavra que simboliza a essência do festival: épico.   

Deixe seu comentário

Categorias
Esta mensagem de erro é visível apenas para administradores do WordPress

Erro: nenhum feed com a ID 1 foi encontrado.

Vá para a página de configurações do Instagram Feed para criar um feed.

@2023 – Todos os direitos reservados. Projetado e Desenvolvido  Biano Comunica