Herry Potter mudou o cinema e a literatura. Como?

Herry Potter mudou o cinema e a literatura. Como?

Harry Potter e a Pedra Filosofal, o primeiro filme baseado na série de livros escritos pela autora britânica J. K. Rowling, chegou aos cinemas em 2001. Depois disso, tanto os livros quanto os filmes que fazem parte da franquia se tornaram verdadeiros sucessos a cada lançamento. Aliás, quase tudo o que diz respeito à saga do jovem bruxo é um fenômeno da cultura pop mundial.

Em 2021, as celebrações do aniversário dos 20 anos de Harry Potter nos cinemas, os eventos com milhares de fãs e os ingressos esgotados provam que a fama e a popularidade do bruxinho continua cativando jovens e adultos. Mas como isso ainda é possível após tanto tempo?

A base do sucesso

Além da criatividade da autora e da habilidade dos roteiristas dos filmes, outro fator se tornou essencial para o sucesso de Harry Potter: as pessoas se identificam com o protagonista e a história dele.

Em outras palavras, os livros e os filmes agradam porque abordam questões da vida comum de pessoas normais, mostrando conflitos internos, incertezas, falhas, armadilhas e medos, além da disputa entre as trevas e a luz. Embora tudo isso aconteça em um cenário gigantesco e fantástico, Harry também passa por tudo que adolescentes “trouxas” — pessoas que não são bruxas — da sua idade passam.

O poder dos fãs

Sem os fãs, muita coisa não seria possível. Foram eles, com a ajuda de Potter, que tornaram o “ser geek” algo legal. Desde o início, as pessoas não queriam apenas ler os livros ou assistir aos filmes; elas queriam discutir tudo com os amigos, comprar itens do universo mágico e ampliar a rede encontrando mais pessoas que gostassem de Harry Potter com a mesma paixão do que elas, por exemplo.

Tudo isso coincidiu com o nascimento e a popularização da Web 2.0, ou seja, essa legião de fãs conseguiu se tornar ainda maior e mais ativa interagindo pela internet ou por meio das mídias sociais. A presença desse pessoal na rede era tão intensa que aspectos pouco populares até então, como discussões sobre ficção científica, fantasia e literatura, começaram a ser consideradas comuns.

Além disso, a paixão e a criatividade dos fãs de Harry Potter ultrapassaram as salas de discussão e fandons virtuais. Convenções e eventos de cosplays viraram notícias facilmente devido às milhares de pessoas que atraiam.

Harry Potter também ajudou alguns deles a ficarem famosos. Um exemplo é o ator Darren Criss, que apareceu como Harry em um vídeo viral do YouTube. Isso chamou a atenção de gente de importante, e ele acabou conseguindo um papel na série Glee, além de outros em várias produções — sem contar a dele carreira na Broadway.

(…) Mega Curioso

Share and Enjoy !

Shares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Shares
%d blogueiros gostam disto: